segunda-feira, 30 de abril de 2012

Não deixe um rostinho bonito te enganar...

Im my world
Assim pensei eu como se estivesse me perdendo em um mundo estranho e diferente de tudo, não era a toa que tudo acontecera por um ser magnifico que subtamente surpreendera minha vida e meus caminhos.E pela primeira vez não estava sózinha neste mundo esquisito ao meu ponto de vista.
Desde já conto agora uma história de duas amigas que de normal não tem nada, mas tem tudo em comum...Vários acontecimentos horripilantes, e momentos que jámais serão esquecidos!.
Bff's A Histórias das Amigas!
"Não deixe o rostinho dela te enganar"

24, de abril de  2012.Ainda posso ouvir aquele eco soando na minha cabeça, manipulando a minha mente, mais nunca desisti até hoje de lutar contra ele, penso que ele não tem poder algum sobre mim.
Na verdade tudo começou semanas antes de meu aniversário de 16 anos,coisas começaram a aparecer do nada, decidi contar a minha amiga o que estava acontecendo comigo, porque ela me cansará já de tanto perguntar o que tinha hávido comigo a uns tempinhos antes de tudo.
"Ela dizia com voz tremula e baixa em meus ouvidos e, tudo soava tão frio, como se tivesse saído de um geladeira humana, seus lábios finos e gelados faziam brindes a cada palavra, pouco a pouco, tudo soava tão bem quanto antes.Seus olhos faziam festa a cada instante, sua pele era fria, era uma pobre garota..."
De repente um vidro ao cair ao chão e quebrar-se assustou a pequenina menina que tentara descobrir o nome há algumas semanas, mas não teve sucesso em suas tentativas...
Renatha ao se assustar com o barulho do vidro, saiu correndo para ver o que tinha ocorrido com Addie, sua bff's...To be continuend...


_O que foi Addie, o que foi?_Disse Renatha ao ouvir o barulho.
_Nada eu somente cortei minha mão e mais nada._Disse Addie tentando acalmar sua amiga
_Mas o que há de errado com você?
_Como assim?eu só cortei minha mão!
_Calma só quis me preoculpar com você um pouco, não pode mais?_Disse Renatha com ignorância e inocência.
_Desculpa é que tudo ta muito diferente e estranho pra mim ter que me acostumar com coisas e problemas novos...
Addie havia acabado de se mudar para um lugar totalmente novo, era tudo diferente para ela ter que estudar em uma nova escola, com novas pessoas a sua volta.
Renatha antes de ir embora disse:
_Eu sempre estarei por perto quando mais precisar!
Mais algo ocorreu quando ela tentou ir embora todas as portas começaram a se fecharem, barulhos e ruídos saiam da cozinha, e elas viam crianças correndo e cantarolando uma musica assustadora “Não tem ninguém, estou aqui, vou te mostrar QUEM EU SOU”, e com uma voz que parecia mais um sussurro fazia a pele delas arrpiarem.
Ady chegou bem perto de Reeh e a abraçou fortemente tremendo de medo...
CONTINUA...


_Você tinha razão quando disse que estava estranha! Agora sei o porquê, é por causas desses tipos de coisas que você anda vendo não é?-Disse Reeh interrogando Ady. As duas presas naquele local decidiram se separar e tentar pedir ajuda. Uma se escondeu dentro de um armário e quando olhou para trás avistou um tubo que dava para sair em algum lugar da casa, então decidida ela resolveu “descer pelo cano”.Quando ao final do tubo chegou percebeu que onde se resultava o fim era parecido com uma janela gigante para os ratos e pequena demais para ela.Ela pensou em como sair de lá para buscar ajuda e se espremeu toda, se espremeu até não ter mais fôlego e nem mais algo para espremer.Quando conseguiu sair foi atacada por um homem que na verdade não era bem um homem, mal ela sabia quem era...
“Três semanas depois...” A pós terem vivido aquele dia de tormenta Ady se mudou, para um lugar cheio de histórias e passagens secretas. Era uma casa muito antiga e seu histórico não acabava nunca, Reeh teve a idéia de explorar um pouco a nova casa de Ady. Mas traumatizada com o que já havia ocorrido com elas decidiu na ir sozinha...
CONTINUA...

Addie para não decepcionar a amiga decidiu ir com ela, ao chegar á biblioteca as duas pensaram que só era um lugar comum,ou seja, apenas mais uma biblioteca no mundo.Mas nada é assim,porque ao chegar perto dos livros as duas viram um livro chamado "Apenas Amor", elas resolveram ler aquele livro,cada dia uma página,mas terminaram de ler antes do previsto e se emocionaram com o fim cativante do livro.
Reeh ao tirar outro livro para ler encontrou uma carta que dizia:
"As mais lindas e belas palavras de amor foram escritas para você! 20/08/1992
Amor,oh como é lindo viver o amor,na verdade não sei te esquecer...Sei que nossas famílias não permitem que estejamos juntos e agora sofro...O sangue que escorre em minhas mãos é o mesmo que em meu coração bombeia...Talvez seja melhor pra você que eu esteje longe de tudo que faça nos lembrar de momentos que não podem acontecer...Eu Te amo e para sempre te amarei
Da sua eterna Hayllie Johnson!"
As meninas ao verem a carta ficaram extremamente emocionadas e não se deram conta do tempo...
Addie ao puxar um do livro com capa vermelha e detalhes dourados que dizia "O diário de Hayllie Johnson" não se deu conta de que um portal tinha se abrido...Ao perceber isso as duas garotas ficaram curiosas e...

CONTINUA...

Recapitulando os acontecimentos...elas foram curiosas e foram atrás do que tinha naquele lugar...
Dentro daquele esconderijo havia um túmulo enorme, e logo uma perguntou a outra "Quem será que está por trás de tudo isso?"...
Ao verem algo se mecher elas se assustaram e saíram correndo...
Após muitas noites de tormentas as duas amigas não aguentaram tanto sofrimento e angústia no peito e foram atrás de respostas para aquelas perguntas irrespondíveis...
Renatha percebeu algo estranho e diferente na Addie, mas não quis dizer nada porque estava com muito medo...
Ao chegarem perto ao caixão uma sombra se aproximou delas e então...
CONTINUA NO PRÓXIMO CAPITULO...
Elas saíram correndo mas ao chegarem perto á porta que ela entraram tudo se fechou como se fosse um sonho...Presas então elas só tinham uma opção... ficarem lá bem quietinhas para não fazerem nenhum tipo de barulho...
Mas quando Renatha olha para o lado e percebe que Addie não estava mais lá,então ela resolveu ir atrás de sua melhor amiga...Mas para sua decepção Addie tinha sido possuída pelos espíritos que na casa habitavam ...Renatha dizia com sua voz tremula: -Não acreditei quando vi,mas ela estava com os olhos todo branco.Seus cabelos flutuavam,sua pele não tinha mais cor...ela estava totalmente pálida...
Addie não tinha mais reação...estava morta...Mas seu espírito aparece toda noite para pedir ajuda para Renatha...
Renatha hoje vive em um hospício atormentada com aquela noite que nunca mais foi esquecida

FIM

Autora: Dara Ellen
By: Haley Ellen
Inspiração Renatha, carinhosamente chamada de pikenah reeh e Addie Singer.

3 comentários:

  1. nossa que historia em... curti em mt loka... caraka que criatividade em... addie ♥ ja se ligou neh... kkkk bjs

    ResponderExcluir